Antibióticos durante formação dentária enfraquecem os dentes: verdade ou mito?
15 de novembro de 2016
O que fazer com o bebê sem utilizar a TV? 20 dicas de brincadeiras divertidas
6 de dezembro de 2016

Desligue a TV, pelo bem de seu bebê

Desligar a TV (o celular ou o computador) faz bem para o bebê!

Você sabia que a Associação Americana de Pediatria não recomenda TV para crianças de até 2 anos?

Sim, eu sei que isso é muito difícil e que os pequenos ficam vidrados nas cores, luzes e movimentos das telinhas (TVs, computadores, tablets e smartphones), mas esta é uma questão séria! Os olhinhos dos bebês não estão preparados para esses estímulos. No entanto, pesquisas apontam que mais de 50% dos bebês de até 2 anos passam entre 30 minutos e 2 horas, diariamente, na frente de smartphones.

A criança dessa faixa etária aprende muito por meio da imitação e repetição, e é aí que mora o perigo: os pequenos assistirão, caso você permita, o mesmo desenho ou clip horas a fio! Eles ficarão imersos em um mundo virtual, pois não sabem distinguir realidade e fantasia, e o que precisam é de interações e descobertas sensoriais.

Você pode estar pensando: “Ah! Mas meu bebê assiste apenas conteúdos educativos.” Sinto lhe informar, mas não existe conteúdo próprio para essa idade, já que o recomendado para eles é a movimentação com o corpo todo!

“Ixe! Ela não deve ter filhos ou deve ser um ET; não sabe como uma telinha acalma um pequeno!” Sim, tenho filhos e luto diariamente para não expor a bebê às telas. E digo mais: este texto serve como um alerta para mim também!

Mas quero dividir uma coisa que percebi: não adianta querermos afastar os pequenos das telas quando elas fazem parte de nossa rotina! Verifique, por exemplo, se por muitas vezes a TV de sua casa não fica ligada apenas por costume, sem ninguém estar atento a ela.

Deixar a TV ligada quando estamos brincando com o bebê ou fazendo uma refeição em família só contribui para a agitação e poluição sonora do ambiente. Que tal começar desligando a TV durante esses momentos?

Ainda não te convenci, não é? Quer mais um motivo para isso? Pesquisas demonstram que crianças pequenas que têm muito acesso às telas apresentam atraso na fala e no desenvolvimento motor.

Se você acredita que o teu papel é proporcionar um desenvolvimento saudável e tranquilo para o seu bebê, aposentando, nem que seja aos poucos, as telas, acompanhe nosso próximo post com 20 dicas de atividades para realizar com o bebê enquanto as telas permanecem desligadas!

Aline Pinto
Aline Pinto
A Aline é pedagoga, escritora, palestrante, arteira de plantão e MÃE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *